Shows de Safadão e Xand Avião são suspensos no Maranhão a pedido do MP

Dois músicos tiveram seus shows cancelados. Wesley Safadão, que deveria ter se apresentado no último domingo (24) no município de Vitória do Mearim (MA), e de Xand Avião, marcado para 3 de maio em Barra da Corda (MA), foram suspensos a pedido do Ministério Público do estado.

Segundo o MP, o show de Safadão, que aconteceria em comemoração ao aniversário de cidade, custaria R$ 500 mil aos cofres públicos. O contrato teria sido realizado sem licitação.

A apresentação chegou a ser autorizada pelo TJ-MA (Tribunal de Justiça do Maranhão), mas o STJ (Supremo Tribunal de Justiça) manteve a decisão da suspensão em caráter liminar.

Com a decisão liminar do juiz, mantida pelo STJ, após o recurso interposto pelo MPMA, o município de Vitória do Mearim não pode efetuar quaisquer pagamentos ou transferências financeiras decorrentes do contrato estabelecido para a contratação do artista. Também fica vedada a contratação de outra atração artística dessa magnitude.

Já a apresentação de Xand Avião, que aconteceria em Barra do Corda, custaria R$ 400 mil aos cofres públicos e também aconteceria em comemoração ao aniversário da cidade.

A pedido do MP, o TJ-MA suspendeu a apresentação.

“Na manifestação, proposta pelo promotor de justiça Guaracy Martins Figueiredo, titular da 1ª Promotoria de Justiça de Barra do Corda, foi levada em consideração a situação precária de vários serviços oferecidos pelo município nas áreas de saúde, educação, infraestrutura e de saneamento básico”, diz a nota do MP.

Shows de Safadão e Xand Avião são suspensos no Maranhão a pedido do MP

Dois músicos tiveram seus shows cancelados. Wesley Safadão, que deveria ter se apresentado no último domingo (24) no município de Vitória do Mearim (MA), e de Xand Avião, marcado para 3 de maio em Barra da Corda (MA), foram suspensos a pedido do Ministério Público do estado.

Segundo o MP, o show de Safadão, que aconteceria em comemoração ao aniversário de cidade, custaria R$ 500 mil aos cofres públicos. O contrato teria sido realizado sem licitação.

A apresentação chegou a ser autorizada pelo TJ-MA (Tribunal de Justiça do Maranhão), mas o STJ (Supremo Tribunal de Justiça) manteve a decisão da suspensão em caráter liminar.

Com a decisão liminar do juiz, mantida pelo STJ, após o recurso interposto pelo MPMA, o município de Vitória do Mearim não pode efetuar quaisquer pagamentos ou transferências financeiras decorrentes do contrato estabelecido para a contratação do artista. Também fica vedada a contratação de outra atração artística dessa magnitude.

Já a apresentação de Xand Avião, que aconteceria em Barra do Corda, custaria R$ 400 mil aos cofres públicos e também aconteceria em comemoração ao aniversário da cidade.

A pedido do MP, o TJ-MA suspendeu a apresentação.

“Na manifestação, proposta pelo promotor de justiça Guaracy Martins Figueiredo, titular da 1ª Promotoria de Justiça de Barra do Corda, foi levada em consideração a situação precária de vários serviços oferecidos pelo município nas áreas de saúde, educação, infraestrutura e de saneamento básico”, diz a nota do MP.

Gostou da matéria? Siga @playvoxbr no Instagram para ver mais conteúdos CLICANDO AQUI

COMENTÁRIOS

COMPARTILHE

Matéria Anterior
Machine Gun Kelly diz que vai voltar ao RAP no próximo disco
Próxima Matéria
The Weeknd renova com a Universal Music com funções extras

+ NOTÍCIAS DO POP

Gostou da matéria? Siga @playvoxbr no Instagram para ver mais conteúdos CLICANDO AQUI

COMENTÁRIOS

COMPARTILHE

Matéria Anterior
Machine Gun Kelly diz que vai voltar ao RAP no próximo disco
Próxima Matéria
The Weeknd renova com a Universal Music com funções extras

+ NOTÍCIAS DO POP

Menu
error: Content is protected !!