Vicente Luque não resiste a jogo de Belal e é superado no UFC Vegas 51

Após cerca de seis anos, Belal Muhammad devolveu a derrota para Vicente Luque no Ultimate. Na luta principal do UFC Vegas 51, o americano abusou da sua estratégia de jogo de quedas para anular os ataques do brasileiro e sair com a vitória por pontos.

Vicente Luque tem sua sequência de quatro vitórias interrompida e fica mais distante de uma disputa de cinturão dos meio-médios (77 kg). Já Belal Muhammad aumenta para oito compromissos sem derrota na liga e deve subir posição no ranking da divisão.

A luta

Como de costume em todas as suas apresentações, Vicente Luque logo tomou a iniciativa no combate e usou a tática de desferir chutes no seu adversário. O brasileiro dominava o centro do octógono e trocava golpes com o rival, com mais contundência. Porém, Belal aproveitou uma brecha e colocou o rival para baixo. No fim da parcial, o atleta do Brasil conseguiu escapar das investidas do oponente e voltou a ficar em pé.

Vicente manteve a estratégia do primeiro assalto e tentava caçar Belal, que não se desesperava, utilizava bem os contra-ataques para achar o momento para colocar o oponente para o chão. E na reta final da parcial o americano efetivou mais uma vez o seu plano, complicando a situação do brasileiro, que levou desvantagem no assalto.

No terceiro round, Vicente Luque, enfim, encontrou a distância e balançou Belal com uma potente certa, que fez o rival dobrar as pernas. O brasileiro seguiu suas investidas e acuou o americano, que não teve escolha em colocar o duelo para baixo mais uma vez, só que nessa ocasião, Luque não demorou para levantar e levou a parcial.

Ciente da desvantagem na trocação, Belal aproveitou a brecha nas defesas de queda de Vicente e levou mais uma vez o confronto para o solo, para ficar por cima do adversário e pontuar desferindo alguns socos. O brasileiro até ficou em pé na metade da parcial, mas não soube ser efetivo nos seus ataques, indo para o quinto round para o tudo ou nada.

No último assalto, Belal já começou tentando seguidas quedas, mas Vicente defendeu todas e quase ensaiou uma finalização, quando pegou o pescoço do rival. No entanto, o americano escapou e teve sucesso em mais uma investida para derrubar e conseguiu. O lutador ficou nas costas do brasileiro e quase efetivou um mata-leão.

Confira todos os resultados:

Belal Muhammad derrotou Vicente Luque por decisão unânime;
Caio Borralho derrotou Gadzhi Omargadzhiev por decisão unânime;
André Fialho derrotou Miguel Baeza por TKO no 1R;
Mayra ‘Sheetara’ derrotou Wu Yanan por decisão unânime;
Pat Sabatini derrotou T.J. Laramie por decisão unânime;
Mounir Lazzez derrotou Ange Loosa por decisão unânime;
Devin Clark derrotou William Knight por TKO no 3R;
Pannie Kianzad derrotou Lina Länsberg por decisão unânime;
Drakkar Klose derrotou Brandon Jenkins por TKO no 2R;
Rafa García finalizou Jesse Ronson no 2R:
Martin Buday derrotou Chris Barnett por decisão unânime;
Jordan Leavitt derrotou Trey Ogden por decisão dividida;
Sam Hughes derrotou Istela Nunes por decisão majoritária;
Heili Alateng derrotou Kevin Croom por TKO no 1R

Vicente Luque não resiste a jogo de Belal e é superado no UFC Vegas 51

Após cerca de seis anos, Belal Muhammad devolveu a derrota para Vicente Luque no Ultimate. Na luta principal do UFC Vegas 51, o americano abusou da sua estratégia de jogo de quedas para anular os ataques do brasileiro e sair com a vitória por pontos.

Vicente Luque tem sua sequência de quatro vitórias interrompida e fica mais distante de uma disputa de cinturão dos meio-médios (77 kg). Já Belal Muhammad aumenta para oito compromissos sem derrota na liga e deve subir posição no ranking da divisão.

A luta

Como de costume em todas as suas apresentações, Vicente Luque logo tomou a iniciativa no combate e usou a tática de desferir chutes no seu adversário. O brasileiro dominava o centro do octógono e trocava golpes com o rival, com mais contundência. Porém, Belal aproveitou uma brecha e colocou o rival para baixo. No fim da parcial, o atleta do Brasil conseguiu escapar das investidas do oponente e voltou a ficar em pé.

Vicente manteve a estratégia do primeiro assalto e tentava caçar Belal, que não se desesperava, utilizava bem os contra-ataques para achar o momento para colocar o oponente para o chão. E na reta final da parcial o americano efetivou mais uma vez o seu plano, complicando a situação do brasileiro, que levou desvantagem no assalto.

No terceiro round, Vicente Luque, enfim, encontrou a distância e balançou Belal com uma potente certa, que fez o rival dobrar as pernas. O brasileiro seguiu suas investidas e acuou o americano, que não teve escolha em colocar o duelo para baixo mais uma vez, só que nessa ocasião, Luque não demorou para levantar e levou a parcial.

Ciente da desvantagem na trocação, Belal aproveitou a brecha nas defesas de queda de Vicente e levou mais uma vez o confronto para o solo, para ficar por cima do adversário e pontuar desferindo alguns socos. O brasileiro até ficou em pé na metade da parcial, mas não soube ser efetivo nos seus ataques, indo para o quinto round para o tudo ou nada.

No último assalto, Belal já começou tentando seguidas quedas, mas Vicente defendeu todas e quase ensaiou uma finalização, quando pegou o pescoço do rival. No entanto, o americano escapou e teve sucesso em mais uma investida para derrubar e conseguiu. O lutador ficou nas costas do brasileiro e quase efetivou um mata-leão.

Confira todos os resultados:

Belal Muhammad derrotou Vicente Luque por decisão unânime;
Caio Borralho derrotou Gadzhi Omargadzhiev por decisão unânime;
André Fialho derrotou Miguel Baeza por TKO no 1R;
Mayra ‘Sheetara’ derrotou Wu Yanan por decisão unânime;
Pat Sabatini derrotou T.J. Laramie por decisão unânime;
Mounir Lazzez derrotou Ange Loosa por decisão unânime;
Devin Clark derrotou William Knight por TKO no 3R;
Pannie Kianzad derrotou Lina Länsberg por decisão unânime;
Drakkar Klose derrotou Brandon Jenkins por TKO no 2R;
Rafa García finalizou Jesse Ronson no 2R:
Martin Buday derrotou Chris Barnett por decisão unânime;
Jordan Leavitt derrotou Trey Ogden por decisão dividida;
Sam Hughes derrotou Istela Nunes por decisão majoritária;
Heili Alateng derrotou Kevin Croom por TKO no 1R

Gostou da matéria? Siga @playvoxbr no Instagram para ver mais conteúdos CLICANDO AQUI

COMENTÁRIOS

COMPARTILHE

Matéria Anterior
Brasileira deixa americana com ‘nariz torto’ no UFC Las Vegas 51
Próxima Matéria
Vancouver se candidata a ser sede canadense da Copa do Mundo de 2026

+ NOTÍCIAS DE ESPORTES

Gostou da matéria? Siga @playvoxbr no Instagram para ver mais conteúdos CLICANDO AQUI

COMENTÁRIOS

COMPARTILHE

Matéria Anterior
Brasileira deixa americana com ‘nariz torto’ no UFC Las Vegas 51
Próxima Matéria
Vancouver se candidata a ser sede canadense da Copa do Mundo de 2026

+ NOTÍCIAS DE ESPORTES

Menu
error: Content is protected !!