Serena Williams aponta retorno às quadras em Wimbledon: “Mal posso esperar”

Serena Williams comentou nesta quinta-feira (7), através de suas redes sociais, sobre seu possível regresso ao Circuito Mundial de tênis. A ex-número 1 do mundo deu a entender que seu tão esperado retorno aconteça em Wimbledon, em junho, exatamente no mesmo lugar onde lesionou o tendão da coxa direita que a deixou fora das quadras desde o ano passado.

Na ocasião, a tenista americana fazia o primeiro jogo do torneio contra a belorrussa Aliaksandra Sasnovich quando abandonou a partida, chorando, sentindo fortes dores depois de escorregar com o pé esquerdo e firmar a perna direita para bater na bola. Desde então, Williams não voltou a atuar, perdendo, também, as Olimpíadas de Tóquio 2020.

Em um story no Instagram, Serena apareceu ao lado do quarterback do Green Bay Packers, Aaron Rodgers, animada ao comentar sobre sua volta.

– Estamos falando sobre meu retorno e ele está me animando e me preparando para Wimbledon. Mal posso esperar! – disse a tenista.

Logo em seguida, Rodgers perguntou se ela participaria do US Open, e Serena respondeu que Wimbledon acontece antes do torneio dos Estados Unidos e termina o vídeo dizendo: “Estou animada!”

Ainda nesta quinta, pela tarde, o técnico Patrick Mouratoglou, que treina Serena por dez anos, anunciou que se dedicará integralmente à tenista romena Simona Halep, ex-número 1 do mundo e campeã de Grand Slam. Em comunicado, Patrick afirma que ainda tem muito pra dar.

– Nos últimos oito meses percebi como sinto a falta de ser treinador. Tive uma conversa com a Serena e a porta se abriu, pelo menos no curto prazo, para trabalhar com outra pessoa – escreveu.

Serena Williams é detentora de 23 Grand Slams e medalhou quatro vezes em Olimpíadas, tendo um total de 73 títulos na carreira de simples, além de 23 em duplas.

Serena Williams aponta retorno às quadras em Wimbledon: “Mal posso esperar”

Serena Williams comentou nesta quinta-feira (7), através de suas redes sociais, sobre seu possível regresso ao Circuito Mundial de tênis. A ex-número 1 do mundo deu a entender que seu tão esperado retorno aconteça em Wimbledon, em junho, exatamente no mesmo lugar onde lesionou o tendão da coxa direita que a deixou fora das quadras desde o ano passado.

Na ocasião, a tenista americana fazia o primeiro jogo do torneio contra a belorrussa Aliaksandra Sasnovich quando abandonou a partida, chorando, sentindo fortes dores depois de escorregar com o pé esquerdo e firmar a perna direita para bater na bola. Desde então, Williams não voltou a atuar, perdendo, também, as Olimpíadas de Tóquio 2020.

Em um story no Instagram, Serena apareceu ao lado do quarterback do Green Bay Packers, Aaron Rodgers, animada ao comentar sobre sua volta.

– Estamos falando sobre meu retorno e ele está me animando e me preparando para Wimbledon. Mal posso esperar! – disse a tenista.

Logo em seguida, Rodgers perguntou se ela participaria do US Open, e Serena respondeu que Wimbledon acontece antes do torneio dos Estados Unidos e termina o vídeo dizendo: “Estou animada!”

Ainda nesta quinta, pela tarde, o técnico Patrick Mouratoglou, que treina Serena por dez anos, anunciou que se dedicará integralmente à tenista romena Simona Halep, ex-número 1 do mundo e campeã de Grand Slam. Em comunicado, Patrick afirma que ainda tem muito pra dar.

– Nos últimos oito meses percebi como sinto a falta de ser treinador. Tive uma conversa com a Serena e a porta se abriu, pelo menos no curto prazo, para trabalhar com outra pessoa – escreveu.

Serena Williams é detentora de 23 Grand Slams e medalhou quatro vezes em Olimpíadas, tendo um total de 73 títulos na carreira de simples, além de 23 em duplas.

Gostou da matéria? Siga @playvoxbr no Instagram para ver mais conteúdos CLICANDO AQUI

COMENTÁRIOS

COMPARTILHE

Matéria Anterior
Red Bull vê vantagem em “ainda distante” Sainz, mas crê em rápida recuperação
Próxima Matéria
Durinho prevê luta dura contra sensação do UFC e revela dicas de Usman

+ NOTÍCIAS DE ESPORTES

Gostou da matéria? Siga @playvoxbr no Instagram para ver mais conteúdos CLICANDO AQUI

COMENTÁRIOS

COMPARTILHE

Matéria Anterior
Red Bull vê vantagem em “ainda distante” Sainz, mas crê em rápida recuperação
Próxima Matéria
Durinho prevê luta dura contra sensação do UFC e revela dicas de Usman

+ NOTÍCIAS DE ESPORTES

Menu
error: Content is protected !!