Palmeiras dá baile e vence Corinthians em clássico disputado em Barueri

O Palmeiras continua sem saber o que é perder um clássico como mandante na temporada. Na noite deste sábado (23), mesmo jogando em Barueri, o Verdão bateu o maior rival Corinthians por 3 a 0, com os dois gols marcados de maneiras semelhante, desvios de cobranças de escanteio, em partida válida pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro.

A partida foi definida ainda no primeiro tempo. Primeiro, Raphael Veiga cobrou escanteio pela direita e Gustavo Gómez desviou às redes. Depois, Veiga cobrou escanteio pela direita e foi a vez de Rony marcar. Ainda sobrou tempo para Dudu marcar o terceiro do Verdão na etapa final e encaminhar o placar final.

Jogadas cruciais para um Dérbi em que o Verdão esteve melhor a maior parte do tempo diante de um Timão encaixotado pela marcação rival.

É a primeira vitória do Alviverde no Brasileirão. Até então, a equipe havia empatado todas as três partidas realizadas na competição até então. Com isso, soma cinco pontos na classificação.

O Corinthians, por outro lado, conheceu sua primeira derrota. A equipe liderava o certame com seis pontos. Com o revés, pode ser ultrapassada por rivais com o complemento da rodada. O Timão não venceu um clássico sequer ainda nesta temporada.

O Verdão volta a campo na quarta-feira (27), diante do Emelec, no Equador, pela Copa Libertadores, às 21h (de Brasília). No próximo sábado (30), também às 21h (de Brasília), também em Barueri, o Verdão enfrenta a Juazeirense na partida de ida da quarta eliminatória da Copa do Brasil. Pelo Brasileirão, a equipe só volta a campo no dia 8 de maio, contra o Fluminense, em casa.

O Corinthians enfrenta o temido Boca Juniors, da Argentina, na terça-feira (26), às 21h30 (de Brasília), na Neo Química Arena, pela Libertadores. No domingo (1/5), recebe o Fortaleza, em casa, pelo Brasileirão, às 16h (de Brasília).

O JOGO

O Palmeiras foi o conhecido Palmeiras de Abel Ferreira no início do duelo em Barueri. Marcando forte a intermediária corintiana, aparecia com velocidade e perigo no ataque.

As chances se sucederam. Logo no primeiro minuto, Zé Rafael arriscou o chute de fora da área e a bola passou raspando o travessão de Matheus Donelli, goleiro que entrou no jogo por conta da ausência do ídolo Cássio, com sintomas de gripe.

Aos 13, após sucessão de aparições verdes na área alvinegra, o gol. Raphael Veiga cobrou o escanteio na primeira trave e Gustavo Gómez subiu mais que a marcação para desviar e abrir o placar.

Era um Corinthians perdido na articulação das jogadas, presa fácil da marcação do Verdão, que seguia com boas aparições no ataque mesmo em vantagem no placar. Aos 17, Veiga, em cobrança de falta, buscou o ângulo esquerdo de Donelli, que conseguiu espalmar e fazer uma linda defesa.

Na sequência, contudo, o pior para o Timão. Aos 18, na cobrança de escanteio, praticamente um replay do primeiro tento. Veiga cobrou de novo no primeiro pau, mas quem apareceu agora para desviar foi Rony, anotando o segundo gol palmeirense no jogo.

Aos 23, Dudu passou por Piton e enfiou bola na medida para Rony. O Rústico se adiantou à marcação, mas finalizou para fora, em mais uma ótima chance para o Verdão.

Com dois gols a mais no placar, o Verdão deixou o Corinthians ao menos respirar. Foi a oportunidade de colocar um pouco as ideias em prática e pelo menos equilibrar o jogo no meio-campo. Isso acabou gerando a primeira boa chance alvinegra no Dérbi. Aos 31, Piton recebeu a bola na intermediária e cruzou pela esquerda. A bola ia sobrar limpa para Júnior Moraes, mas Piquerez fez o desvio providencial.

Aos 33, a melhor chance alvinegra. Róger Guedes tabelou com Paulinho na entrada da área, recebeu em profundidade e buscou a finalização cruzada, mas Gómez tirou na hora certa.

SEGUNDO TEMPO

O jogo voltou do intervalo com posse de bola maior para o Corinthians (57% a 43%) e até precisão maior nos passes para o time alvinegro (83% a 80%), mas no campo o baile alviverde seguia com notas de Carnaval.

Logo aos 2, Veron avançou pela esquerda, passou pela marcação e deixou Zé Rafael livre. O volante dominou e chutou forte, acertando o travessão de Donelli. Aos 5, foi a vez de Piquerez arriscar a finalização e mandar por cima do gol.

O Timão até tentava. Vitor Pereira mexeu quatro vezes no time que entrou em campo. Mas via o rival aparecer cada vez mais no ataque.

Aos 25, após uma sequência de oportunidades perdidas, veio enfim a definição da vitória palmeirense. Zé Rafael disputou com João Victor, levantou rapidamente, arrancou e lançou Dudu na direita. O atacante passou por Raul Gustavo e bateu de esquerda, no cantinho. A bola ainda pegou na trave antes de entrar. Foi a pá de cal na partida, para um Palmeiras avassalador diante de um Timão pífio, que pouco produziu depois do baque para reverter a vantagem rival.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 3 x 0 CORINTHIANS

Local: Arena Barueri, Barueri (SP)
Data-Hora: 23/4/2022 (sábado) – 19h (de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (Fifa/RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (Fifa/RS) e Michael Stanislau (RS)
VAR: Pablo Ramón Gonçalves Pinheiro (RN)
Público/Renda: 23.973 pagantes/R$ 908.427,72
Cartões amarelos: Maycon (COR)

Gols: Gustavo Gómez (14’/1ºT) (cabeça) (1-0), Rony (18’/1ºT) (cabeça) (2-0) e Dudu (25’/2ºT) (3-0)

PALMEIRAS
Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Murilo (Kuscevic 32/2)e Piquerez; Danilo, Zé Rafael e Raphael Veiga (Atuesta 42/2); Dudu (Mayke 39/2), Gabriel Veron (Wesley 39/2) e Rony (Rafael Navarro 39/2)
Técnico: Abel Ferreira.

CORINTHIANS
Matheus Donelli; Rafael Ramos, João Victor, Raul Gustavo e Lucas Piton; Du Queiroz (Cantillio 28/2), Maycon (Renato Augusto, intervalo) e Paulinho; Gustavo Mantuan (Adson 16/2), Róger Guedes (Willian 16/2) e Júnior Moraes (Jô 16/2)
Técnico: Vítor Pereira.

Palmeiras dá baile e vence Corinthians em clássico disputado em Barueri

O Palmeiras continua sem saber o que é perder um clássico como mandante na temporada. Na noite deste sábado (23), mesmo jogando em Barueri, o Verdão bateu o maior rival Corinthians por 3 a 0, com os dois gols marcados de maneiras semelhante, desvios de cobranças de escanteio, em partida válida pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro.

A partida foi definida ainda no primeiro tempo. Primeiro, Raphael Veiga cobrou escanteio pela direita e Gustavo Gómez desviou às redes. Depois, Veiga cobrou escanteio pela direita e foi a vez de Rony marcar. Ainda sobrou tempo para Dudu marcar o terceiro do Verdão na etapa final e encaminhar o placar final.

Jogadas cruciais para um Dérbi em que o Verdão esteve melhor a maior parte do tempo diante de um Timão encaixotado pela marcação rival.

É a primeira vitória do Alviverde no Brasileirão. Até então, a equipe havia empatado todas as três partidas realizadas na competição até então. Com isso, soma cinco pontos na classificação.

O Corinthians, por outro lado, conheceu sua primeira derrota. A equipe liderava o certame com seis pontos. Com o revés, pode ser ultrapassada por rivais com o complemento da rodada. O Timão não venceu um clássico sequer ainda nesta temporada.

O Verdão volta a campo na quarta-feira (27), diante do Emelec, no Equador, pela Copa Libertadores, às 21h (de Brasília). No próximo sábado (30), também às 21h (de Brasília), também em Barueri, o Verdão enfrenta a Juazeirense na partida de ida da quarta eliminatória da Copa do Brasil. Pelo Brasileirão, a equipe só volta a campo no dia 8 de maio, contra o Fluminense, em casa.

O Corinthians enfrenta o temido Boca Juniors, da Argentina, na terça-feira (26), às 21h30 (de Brasília), na Neo Química Arena, pela Libertadores. No domingo (1/5), recebe o Fortaleza, em casa, pelo Brasileirão, às 16h (de Brasília).

O JOGO

O Palmeiras foi o conhecido Palmeiras de Abel Ferreira no início do duelo em Barueri. Marcando forte a intermediária corintiana, aparecia com velocidade e perigo no ataque.

As chances se sucederam. Logo no primeiro minuto, Zé Rafael arriscou o chute de fora da área e a bola passou raspando o travessão de Matheus Donelli, goleiro que entrou no jogo por conta da ausência do ídolo Cássio, com sintomas de gripe.

Aos 13, após sucessão de aparições verdes na área alvinegra, o gol. Raphael Veiga cobrou o escanteio na primeira trave e Gustavo Gómez subiu mais que a marcação para desviar e abrir o placar.

Era um Corinthians perdido na articulação das jogadas, presa fácil da marcação do Verdão, que seguia com boas aparições no ataque mesmo em vantagem no placar. Aos 17, Veiga, em cobrança de falta, buscou o ângulo esquerdo de Donelli, que conseguiu espalmar e fazer uma linda defesa.

Na sequência, contudo, o pior para o Timão. Aos 18, na cobrança de escanteio, praticamente um replay do primeiro tento. Veiga cobrou de novo no primeiro pau, mas quem apareceu agora para desviar foi Rony, anotando o segundo gol palmeirense no jogo.

Aos 23, Dudu passou por Piton e enfiou bola na medida para Rony. O Rústico se adiantou à marcação, mas finalizou para fora, em mais uma ótima chance para o Verdão.

Com dois gols a mais no placar, o Verdão deixou o Corinthians ao menos respirar. Foi a oportunidade de colocar um pouco as ideias em prática e pelo menos equilibrar o jogo no meio-campo. Isso acabou gerando a primeira boa chance alvinegra no Dérbi. Aos 31, Piton recebeu a bola na intermediária e cruzou pela esquerda. A bola ia sobrar limpa para Júnior Moraes, mas Piquerez fez o desvio providencial.

Aos 33, a melhor chance alvinegra. Róger Guedes tabelou com Paulinho na entrada da área, recebeu em profundidade e buscou a finalização cruzada, mas Gómez tirou na hora certa.

SEGUNDO TEMPO

O jogo voltou do intervalo com posse de bola maior para o Corinthians (57% a 43%) e até precisão maior nos passes para o time alvinegro (83% a 80%), mas no campo o baile alviverde seguia com notas de Carnaval.

Logo aos 2, Veron avançou pela esquerda, passou pela marcação e deixou Zé Rafael livre. O volante dominou e chutou forte, acertando o travessão de Donelli. Aos 5, foi a vez de Piquerez arriscar a finalização e mandar por cima do gol.

O Timão até tentava. Vitor Pereira mexeu quatro vezes no time que entrou em campo. Mas via o rival aparecer cada vez mais no ataque.

Aos 25, após uma sequência de oportunidades perdidas, veio enfim a definição da vitória palmeirense. Zé Rafael disputou com João Victor, levantou rapidamente, arrancou e lançou Dudu na direita. O atacante passou por Raul Gustavo e bateu de esquerda, no cantinho. A bola ainda pegou na trave antes de entrar. Foi a pá de cal na partida, para um Palmeiras avassalador diante de um Timão pífio, que pouco produziu depois do baque para reverter a vantagem rival.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 3 x 0 CORINTHIANS

Local: Arena Barueri, Barueri (SP)
Data-Hora: 23/4/2022 (sábado) – 19h (de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (Fifa/RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (Fifa/RS) e Michael Stanislau (RS)
VAR: Pablo Ramón Gonçalves Pinheiro (RN)
Público/Renda: 23.973 pagantes/R$ 908.427,72
Cartões amarelos: Maycon (COR)

Gols: Gustavo Gómez (14’/1ºT) (cabeça) (1-0), Rony (18’/1ºT) (cabeça) (2-0) e Dudu (25’/2ºT) (3-0)

PALMEIRAS
Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Murilo (Kuscevic 32/2)e Piquerez; Danilo, Zé Rafael e Raphael Veiga (Atuesta 42/2); Dudu (Mayke 39/2), Gabriel Veron (Wesley 39/2) e Rony (Rafael Navarro 39/2)
Técnico: Abel Ferreira.

CORINTHIANS
Matheus Donelli; Rafael Ramos, João Victor, Raul Gustavo e Lucas Piton; Du Queiroz (Cantillio 28/2), Maycon (Renato Augusto, intervalo) e Paulinho; Gustavo Mantuan (Adson 16/2), Róger Guedes (Willian 16/2) e Júnior Moraes (Jô 16/2)
Técnico: Vítor Pereira.

Gostou da matéria? Siga @playvoxbr no Instagram para ver mais conteúdos CLICANDO AQUI

COMENTÁRIOS

COMPARTILHE

Matéria Anterior
Messi marca, PSG empata com o Lens e garante título antecipado do Campeonato Francês
Próxima Matéria
Veja cinco motivos para acreditar que o Real Madrid pode chegar a decisão da Champions League

+ NOTÍCIAS DE ESPORTES

Gostou da matéria? Siga @playvoxbr no Instagram para ver mais conteúdos CLICANDO AQUI

COMENTÁRIOS

COMPARTILHE

Matéria Anterior
Messi marca, PSG empata com o Lens e garante título antecipado do Campeonato Francês
Próxima Matéria
Veja cinco motivos para acreditar que o Real Madrid pode chegar a decisão da Champions League

+ NOTÍCIAS DE ESPORTES

Menu
error: Content is protected !!